A região que envolve o colo e o pescoço é bem mais fina e sensível, e por isso uma das primeiras a apresentar os sinais da idade. As temidas rugas podem surgir e se intensificar durante a quarentena, quando estamos mais sujeitos à Teck Nech – rugas da tecnologia.
A dermatologista Dra. Angélica Pimenta, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), explica que, quando a pessoa olha para o celular, ela inclina a cabeça, geralmente para baixo. Caso essa posição se mantenha por poucos minutos, tudo bem. “O problema está na repetição em muitos momentos do dia. O movimento repetitivo pode provocar rugas horizontais na região do pescoço e até mesmo facilitar a formação da temida papada”, explica.

Para evitar as ruguinhas no pescoço, a especialista orienta posicionar o celular na linha dos olhos e manter a cabeça ereta. “E, claro, tentar controlar o tempo que se passa mexendo em aparelhos eletrônicos. Porque não só o celular é o vilão das ruguinhas. O uso de tablet e notebook também requer esse cuidado, ou seja, mantê-los numa posição em que não precise baixar a cabeça para manuseá-los.”

O skincare – os cuidados diários com a pele – já fazem parte da rotina da maioria das mulheres que desejam ter uma pele saudável e viçosa. No entanto, a pele do pescoço e do colo muitas vezes é negligenciada. “É preciso ter o hábito de cuidados diários, como limpeza, fotoproteção, hidratação e cremes antienvelhecimento. Esses cremes podem conter ácidos, (ácido retinoico, ácido glicólico), antioxidantes (vitamina C, vitamina E, resveratrol), peptídeos, estímulo de colágeno e hidratantes potentes (ácido hialurônico, ceramidas, ureia, glicerina)”, indica a dermatologista.

A tecnologia dermatológica também oferece tratamentos como peelings químicos, laser de CO2, ultrassom focado e bioestimulação, entre outros. Os tratamentos podem ser feitos de maneira intercalada e a escolha depende de fatores como a idade do paciente e o grau de comprometimento da área.

Vamos conversar?

Preencha o formulário abaixo e nos conte o que você precisa.

 
(17) 3201-7510
falecom@comunic.com.br