Rio Preto fecha 2020 com saldo positivo de 2.294 novas empresas

São José do Rio Preto, 18 de janeiro de 2021 – Mesmo diante do cenário crítico da economia por conta da pandemia de Covid-19, o balanço da abertura de novas empresas fechou positivo em 2020 em São José do Rio Preto. Segundo dados da Junta Comercial do Estado de São Paulo (Jucesp), o ano passado encerrou com saldo positivo de 2.294 novos empreendimentos. Foram 4.188 empresas abertas e 1.894 fechadas.

O saldo em 2020 ficou 9% acima do que o do ano anterior. Em 2019, o total registrado em Rio Preto foi de 4.277 novas empresas e 2.176 encerradas – saldo positivo de 2.101.

Novembro foi o mês de maior destaque para o empreendedorismo rio-pretense em 2020, com a abertura de 467 novas empresas. O número representa um aumento de 39,8% em relação ao mesmo período em 2019, quando foram inscritos 344 novos CNPJs.

No ano passado, entre os meses de agosto e outubro, o Governo de São Paulo isentou a taxa de abertura de empresas, tornando-se o primeiro Estado a adotar a medida no País. Além disso, registrou quatro meses seguidos de recorde de abertura na JUCESP, com mais de 200 mil novos negócios abertos em 2020.

Na Rissi Contabilidade Médica, maior escritório de contabilidade de Rio Preto e que tem atuação nacional, a abertura de empresas em 2020 registrou aumento de 83% comparado a todo o ano de 2019 – foram 793 aberturas de CNPJs em 2020 contra 432 em 2019.

“O ano de 2020 foi considerado um ano de crise, no entanto, o empreendedorismo se manteve firme e até mesmo uma boa alternativa para quem ficou sem emprego e decidiu investir no próprio negócio, o que foi imprescindível para girar a economia do país”, destaca José Eduardo Rissi, contador e diretor da Rissi Contabilidade Médica.